Com intervenções do VAR, Bahia empata fora de casa com líder Internacional

0

Com intervenções do VAR, Bahia empata fora de casa com líder Internacional

750_ecbahia-empate-internacional-var-arbitragem-clayson_202096181523811
Com o segundo gol marcado nos acréscimos, o Tricolor conquistou um ponto importante fora de casa|Foto: Bruno Queiroz/ EC Bahia

Em duelo na tarde deste domingo, 6, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, o Bahia empatou em 2 a 2 com o líder do Brasileirão, o Internacional. Com o segundo gol marcado nos acréscimos, o Tricolor conquistou um ponto importante fora de casa.

Com três alterações em relação à equipe que perdeu para o Flamengo por 5 x 3, na última quarta-feira, o time comandado pelo interino Cláudio Prates foi aguerrido em duelo válido pela oitava rodada da Séria A. O elenco contou com as entradas do goleiro Mateus Claus e os retornos dos volantes Gregore e Ronaldo.

Primeiro tempo

Iniciando a partida muito bem, o Tricolor abriu o placar logo aos 19 minutos do primeiro tempo, com o meia Rodriguinho. Após uma falha na saída de bola da defesa gaúcha, o meia recebeu belo passe de Ronaldo e teve calma e tranquilidade para marcar um belo gol.

A equipe do Internacional empatou aos 27 da primeira etapa, com o volante Patrick. Dessa vez contando com falha de Juninho, o jogador recebeu cruzamento de Thiago Galhardo e só teve trabalho de empurrar para as redes.

Segunda etapa e decisão no VAR

Com dois pênaltis na segunda etapa, marcados após verificação do árbitro Bráulio da Silva Machado, em consultas ao VAR, o resultado final da partida foi definido na bola parada.

O primeiro a ter um lance analisado foi o Internacional. Aos 18 minutos da etapa complementar o zagueiro Victor Cuesta reclamou de um empurrão sofrido por Gregore. O lance foi revisado e confirmado pelo juiz central. A penalidade acabou sendo convertida por Thiago Galhardo, artilheiro da competição.

Fazendo valer a mística tricolor, com gols no fim das partidas, o Bahia empatou a partida aos 51 minutos. Após verificar uma falta sofrida por Élber, dentro da área, em disputa com Rodinei, o Tricolor teve pênalti assinalado. Coube a Clayson, com categoria, empatar o confronto.

A TARDE Por Jeferson Jesus**Sob supervisão do editor Vinícius Ribeiro

INTERNACIONAL 2 X 2 BAHIA
Data: 6 de setembro de 2020, 16h

Local: Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)

Árbitro: Bráulio da Silva Machado (SC) Assistentes: Neuza Inês Back (SC) e Éder Alexandre (SC)
VAR: Marcio Henrique de Gois (SC)
Cartões amarelos: Zé Gabriel e Rodinei (INT); Nino Paraíba, Gregore e Ronaldo (BAH)
Gols: Rodriguinho, aos 19 minutos, Patrick, aos 27 minutos do primeiro tempo | Galhardo, aos 22 minutos e Clayson, aos 51 minutos do segundo tempo.

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Saravia, Zé Gabriel, Victor Cuesta e Uendel (Rodinei); Johnny (Rodrigo Moledo), Edenílson, Boschilia (Marcos Guilherme) e Patrick (Abel Hernández); D’Alessandro(Peglow) e Thiago Galhardo. Técnico: Eduardo Coudet.

BAHIA: Mateus Claus, Nino Paraíba, Ernando, Juninho e Juninho Capixaba; Ronaldo (Edson), Gregore, Daniel (Rossi) e Rodriguinho (Fessin); Elber e Gilberto (Clayson). Técnico: Cláudio Prates.