Criança chora e consola burro que foi abandonado após ter pata quebrada

0

Criança chora e consola burro que foi abandonado após ter pata quebrada

whatsapp-image-2017-10-19-at-17.18.57
Os moradores afirmam que são comuns os acidentes envolvendo animais no local| Foto: Divulgação/Edna dos Santos

Um burro que teve uma das patas quebradas em um acidente e foi abandonado pelo dono comoveu uma criança em Paraíso do Tocantins, região central do estado. O menino sentou no chão e colocou a cabeça do animal no colo.

O registro foi feito por Edna dos Santos, moradora da cidade, que disse que o garoto chorava comovido pela situação do burro. “Eu conversei com o menino, que estava chorando muito.”

O animal está no setor Pouso Alegre e foi abandondo há mais de uma semana, dizem os moradores. “A situação é crítica. Alguma coisa precisa ser feita para aliviar a dor dele”, disse Edna.

Sensibilizados com a situação, alguns moradores da cidade fazem o que podem pelo animal, por conta própria. Edna conta que sempre passa no local e deixa comida. “Desde sexta-feira da semana passada vejo que ele está muito machucado. Ele levanta e fica se arrastando, e o dono não aparece”.

O animal ferido foi visto por moradores pela primeira vez há cerca de 10 dias, andando por lotes baldios. Com o tempo ele perdeu as forças e, agora, não consegue mais sair do lugar.

Airton Reinaldo Gama e um amigo responsável por uma ONG de resgate de animais também estão incomodados com a situação. Gama disse que já procurou os órgãos ambientais, mas não obteve resposta. Eles, então, decidiram registrar um boletim de ocorrência. “Os órgãos estão virando as costas, mas eles precisam fazer alguma coisa”, diz.

Os moradores afirmam que são comuns os acidentes envolvendo animais no local. A Polícia Militar (PM) e o Corpo de Bombeiros não passaram informações sobre o motociclista envolvido no acidente.

A Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) informou que cuida apenas de animais cadastrados em propriedades rurais. O Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) disse que só é responsável pelo resgate de animais silvestres, e o burro é um animal doméstico.

Os dois órgãos informaram que casos como este são de responsabilidade do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) da prefeitura da cidade.

Em nota, Prefeitura de Paraíso do Tocantins disse que está buscando solucionar a demanda junto a outros órgãos e explicou que faz o recolhimento de animais de pequeno porte para eutanásia.

Informações do site http://surgiu.com.br