Martagão realiza 10º transplante pediátrico de medula óssea

0

Martagão realiza 10º transplante pediátrico de medula óssea

IMAGEM_NOTICIA_5
Martagão realiza 10º transplante pediátrico de medula óssea Foto: Divulgação/Martagão Gesteira

O Hospital Martagão Gesteira, em Salvador, realizou o 10º transplante pediátrico de medula óssea. A paciente foi Isabella Quinane, que tem um neuroblastoma no estágio IV, passou pelo procedimento no fim de novembro e teve alta na terça-feira (7).

Desde outubro do ano passado, o Martagão passou a realizar transplantes de medula óssea (TMO) em crianças. No estado, pelo SUS, a instituição é a única a fazer esse tipo de procedimento em pacientes pediátricos.

A menina tem reagido bem, segundo a oncopediatra do Martagão Natália Borges, especialista na área.

O transplante de medula óssea custa, em média, R$ 80 mil, sendo que R$ 30 mil são repassados pelo SUS. Os R$ 50 mil restantes são obtidos por meio de parcerias e doações.

Martagão se preocupa com a continuidade do programa. “É um desafio que enfrentamos. Não é fácil. Recentemente, tivemos o apoio do Instituto Ronald McDonalds, com a campanha do McDia Feliz que vai nos ajudar a fazer mais uns 8 ou 10 transplantes, mas a nossa preocupação é com a continuidade do programa de TMO do Martagão. Precisamos vislumbrar uma saída que possibilite a manutenção do programa, com um financiamento regular”, acrescenta presidente da Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil (entidade mantenedora do Martagão), Carlos Emanuel Melo.

Bahia Notícias