“Novembro Azul’ chama atenção para prevenção contra câncer de próstata

0

“Novembro Azul’ chama atenção para prevenção contra câncer de próstata

750_cancer-de-prostata-novembro-azul-prevencao-toque-retal_2019114195849757
Campanha visa estimular os homens a buscar o médico antes que a doença se torne incurável.

Um total de 68.220 mil novos casos de câncer de próstata, segunda maior causa de morte por câncer entre homens, foram registrados no Brasil em 2018, de acordo com dados do Ministério da Saúde (MS) e do Instituto Nacional do Câncer (Inca). Neste mês, a campanha Novembro Azul, em prol da prevenção contra o câncer de próstata, visa estimular os homens a buscar o médico antes que a doença se torne incurável.

As alterações na próstata só podem ser identificadas em consulta médica e a partir da prescrição de exames específicos. O toque retal, por exemplo, verifica se há ou não nódulos no órgão – e é essencial para o diagnóstico da doença. O urologista Frederico Mascarenhas explica que homens com histórico familiar de câncer de próstata devem fazer acompanhamento médico a partir dos 45 anos. Em casos com ausência de incidência familiar, 50 anos seria a idade indicada para os exames preventivos.

“O paciente deve ir anualmente ao médico com o objetivo de fazer o exame da próstata através do toque retal para verificar se existe algum nódulo ou não. Caso haja qualquer alteração, a gente faz uma ressonância da próstata e uma biópsia pra fechar o diagnostico”, explica.

De acordo com o urologista, não há como prevenir a doença, mas o diagnóstico precoce é essencial para a cura que pode alcançar até 90% dos casos descobertos com antecedência. O médico ressalta a ausência de sintomas nos estágios iniciais da doença. “Esse é o risco do homem não se cuidar e procurar a consulta periodicamente. Em relação ao câncer de próstata, na verdade, não conseguimos prevenir nada. Conseguimos fazer um diagnóstico precoce e instituir um tratamento breve para que se consiga curar”, disse.

O médico do Núcleo de oncologia da Bahia, André Bacelar, explica que o exame de toque é rápido, indolor e muito eficaz. De acordo com o oncologista, pesquisas apontam que, no último ano, apenas 30% dos homens brasileiros se consultaram com o urologista.

O oncologista ressalta que fazem parte da saúde do homem os cuidados com os testículos e o pênis. No caso do testículo por exemplo, boa higiene e cuidados básicos como o uso de preservativos nas relações sexuais ajudam na prevenção. Além, é claro, do cuidado com o HPV [papilomavírus humano]”, disse.

Apalpar os testículos, segundo o oncologista, pode fazer com que o homem perceba alguma alteração ou surgimento de alguma protuberância. Neste caso o ideal é procurar o médico. Bacelar conclui lembrando da necessidade de se higienizar diariamente a região genital masculina com água corrente e sabonete neutro, sem se esquecer de expor a glande para limpeza completa, fator essencial para se evitar, por exemplo, o câncer peniano.

Engajamento

A Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb), plotou e pintou de azul os compactadores, mais conhecidos como carros do lixo, em alusão a campanha Novembro Azul. Oito veículos caracterizados percorrerão a capital baiana. Além disso, 120 agentes de limpeza ganharam fardamento especial da cor da campanha. De acordo com a empresa, ao longo de todo o mês funcionários e agentes de limpeza participarão de palestras sobre a saúde do homem.

A TARDE Por Vitor Castro**Sob supervisão da jornalista Regina Bochicchio|Foto: Ilustrativa