Velório de Zé do Caixão será no Museu da Imagem e do Som, em São Paulo

0

Velório de Zé do Caixão será no Museu da Imagem e do Som, em São Paulo

750_ze-do-caixao_2020219184921630
Zé do Caixão, morreu aos 83 anos, nesta quarta-feira, 19, em São Paulo, devido a uma broncopneumonia|Foto: Divulgação

O velório do cineasta José Mojica Marins, o Zé do Caixão, está marcado para as 16h desta quinta-feira (20) no Museu da Imagem e do Som, no Jardim Europa, em São Paulo. Ainda não há informações sobre o enterro.

Zé do Caixão morreu nesta quarta-feira (19), aos 83 anos, vítima de broncopneumonia, segundo a filha Liz Marins.

Além do “Caixão”
Além de tornar-se um ícone da cultura popular no Brasil, protagonizando diversos longas e programas de TV, Mojica foi uma das grandes influências do movimento Cinema Marginal, uma das vertentes mais marcantes do audiovisual brasileiro.

Foi um pesadelo de Mojica que o inspirou a criar a figura do coveiro sádico e extravagante pela qual ficaria famoso. O personagem apareceu pela primeira vez no clássico de 1964, “À Meia-Noite Levarei sua Alma”.

Por seu trabalho no gênero, Marins é comumente chamado “pai” ou “mestre” do terror brasileiro. O diretor já trabalhou em mais de uma centena de produções, porém esteve fora da ativa nos últimos anos devido a problemas de saúde.

Metro Jornal