Vitória supera o CRB, quebra jejum fora de casa e deixa o Z-4

0

Vitória supera o CRB, quebra jejum fora de casa e deixa o Z-4

750_ec-vitoria-crb-serie-b-futebol_201981819128274
Vitória conquista primeiro triunfo fora de casa na série B

O Vitória não jogou bem contra o CRB este domingo, 18, no Estádio Rei Pelé. A atuação do Rubro-Negro, no entanto, foi o que menos importou nessa 16ª rodada da Série B. Isso porque mesmo sem convencer, o Leão venceu por 1 a 0 e conquistou o primeiro triunfo como visitante na competição. De quebra, alcançou a 16ª posição e conseguiu deixar a zona de rebaixamento depois de três longos meses.

Felipe Gedoz, em cobrança de pênalti, foi autor do gol solitário da partida. O outro destaque ofensivo foi Jordy Caicedo, responsável por sofrer a infração e puxar alguns contra-ataques. Defensivamente o time sofreu, mas resistiu à pressão dos mandantes e terminou o segundo jogo seguido sem ser vazado. Um feito e tanto para quem ainda tem a pior defesa da Segundona.

Na sequência, o Leão receberá o América-MG, próxima quarta-feira (19h15), no Barradão – um confronto direto na parte inferior da tabela, uma vez que o Coelho tem os mesmos 17 pontos do Leão.

Sufoco

Durante a semana, Carlos Amadeu cogitou entrar em campo com três volantes, mas manteve o 4-2-3-1 da estreia, mesmo com o jogo fora de casa. Quando a bola rolou, é provável até que o treinador tenha se arrependido de sua escolha, porque o CRB tomou conta do meio de campo no Estádio Rei Pelé. A pressão alta dos donos da casa também incomodava o Rubro-Negro, que pouco conseguiu construir em todo primeiro tempo.

O time alagoano chegou a ter 68% de posse de bola na altura dos quinze minutos iniciais e não encontrou resistência para tomar conta do jogo. A sorte do Leão foi que faltou pontaria aos atacantes adversários. Das oito finalizações do time mandante na primeira etapa, nenhuma foi na direção do gol.
Assim o Rubro-Negro conseguiu segurar o zero no placar e já se preparava para descer para o vestiário com um resultado satisfatório. Foi aí que, aos 40 minutos, em um raro lance de ataque do Leão, Caicedo foi derrubado pelo goleiro do CRB. Pênalti claro, convertido com categoria por Felipe Gedoz.

Terminar o primeiro tempo na frente do placar foi um inesperado presente ao torcedor rubro-negro, que passou toda etapa inicial assistindo o time correr atrás da bola, sempre nos pés dos jogadores adversários.
No segundo tempo a pressão dos mandantes foi ainda maior. A diferença era que, na frente do placar, o Leão tinha mais tranquilidade para se defender e até conseguiu fazer isso com mais eficiência.
O tão esperado contra-ataque do Vitória aconteceu aos 30 minutos. Caicedo foi acionado e arrancou em velocidade até a área adversária, mas segurou demais a bola e terminou travado por Vinícius Silvestre.
Do outro lado também teve intervenção fundamental do goleiro. Aos 45, Martín salvou o que seria o empate dos mandantes ao defender o chute de Alisson, quase na risca da pequena área.

O Vitória foi até o estádio Rei Pelé, em Maceió (AL), para quebrar o jejum de triunfos fora de casa na Série B. O Rubro-Negro baiano superou o CRB por 1 a 0, com gol marcado por Felipe Gedoz. Com o resultado, o Leão alcança 17 pontos e ocupa a 16ª posição na tabela, fora do Z-4.

O próximo duelo da equipe de Carlos Amadeu é contra o América-MG, na quarta-feira, 21, às 19h15, no Barradão, válido pela 17ª rodada da Série B.

O gol rubro-negro foi marcado aos 40 do primeiro tempo. Wesley acionou Jordy Caicedo, que foi derrubado por Vinicius e ganhou o pênalti para o Leão. Felipe Gedoz cobrou e abriu o placar.

Aos 48, o Vitória quase ampliou o placar com Jordy Caicedo, que invadiu a área e chutou em cima do goleiro Vinicius. A bola sobrou para Gedoz, que cruzou na pequena área. Anselmo Ramon tentou de letra, mas furou.

Vitória: Martín Rodriguez; Van, Ramon, Everton Sena e Capa; Baraka, Léo Gomes e Felipe Gedoz (Lucas Cândido); Wesley, Anselmo Ramon (Eron) e Jordy Caicedo (Ruy). Técnico: Carlos Amadeu.

A TARDE Por Rafael Teles | Foto: Ailton Cruz | Gazeta de Alagoas